TEMA 2022: MINHA GEOGRAFIA É TERRITÓRIO DA PROMESSA
image

CORAÇÃO DE CARNE OU CORAÇÃO DE PEDRA?

Quando Deus nos chamou, Ele tinha uma expectativa em nossas vidas. Por isso, que ao entendermos realmente o evangelho,e o que aconteceu conosco, temos uma nova atitude.

Deus sempre quer ser recebido pelos Seus filhos, amigos, parentes em suas casas. Ele quer ver a Sua família unida. Ele quer ver unida a família Igreja e a família física. Ele quer ver todos adorando e cantando louvores a Ele. Mas, infelizmente o que Ele tem visto nos dias de hoje, são apenas pessoas crentes que só se lembram DEle quando vão à Igreja ou quando estão numa situação difícil.

Em casa, ao invés de adorar a Deus, ficam sentados em frente à televisão perdendo seu tempo assistindo novelas, filmes ou navegando na internet, faceboock, Instagran etc. E o que essas pessoas ganham com isso? Nada! Só maldições.

Como seria bom se todos fossem fiéis a Deus, e todos os dias tirassem um tempo para fazer seu devocional, um culto de adoração ao Senhor, ler a Bíblia, fazer orações, intercessões, orar pela sua Igreja, seus líderes e familiares. Se todos fizessem isso, todos trariam para dentro da sua casa: paz, amor, segurança, alegria, satisfação. E suas famílias seriam cada vez mais unidas. Porque a semente que plantamos, colhemos, seja boa ou ruim.

Hoje, eu quero que você entenda o texto de Ez 11:19-20, sobre a salvação e a graça.

19 Dar-lhes-ei um só coração, espírito novo porei dentro deles; tirarei da sua carne o coração de pedra e lhes darei coração de carne; 20 para que andem nos meus estatutos, e guardem os meus juízos, e os executem; eles serão o meu povo, e eu serei o seu Deus.

A salvação e a graça, vêm sendo operadas pelo Senhor, desde o início, e será até fim!

A Palavra da promessa não deixa dúvidas acerca da manifestação de Deus para salvar o homem de seus pecados. Porém, quando Deus olhou para a humanidade e para sua corrupção interior, Deus comparou o coração dos homens à pedra. E nós sabemos que não há nada de sensível em um pedaço de pedra, porque é uma pedra.

A pedra é inerte, é sem expressão, sem desejos. Uma pedra permanece imóvel, a menos que algo exterior provoque nela algum movimento. E Deus descreve o homem, que ainda não se converteu, como possuidor de um coração de pedra, porque é exatamente nesse estado em que ele se encontra: inerte diante do bem, insensível para a vontade de Deus, sem desejo de receber a graça e o conhecimento de Nosso Senhor.

O homem com o coração de pedra é incapaz de mover-se em direção Àquele que pode mudar sua condição.

Todos nós já possuíamos um coração como esse, duro como pedra. Porém, algo em algum momento da nossa vida, mudou muita coisa em nós.

Note que assim como a pedra, somente pode se mover se algum fator externo a impulsionar, algo também exterior veio até nós, e nos impulsionou para frente, agitou e moveu nosso duro coração com força, desfazendo toda a insensibilidade e frieza do nosso interior.

Sabemos que é impossível que a pedra se transforme em carne por sua própria natureza, porque pedra sempre será pedra. Mas, esse agente transformador tem o poder de mudar o coração do homem, fazendo-o Nova Criatura, II Co 5:17.

17 E, assim, se alguém está em Cristo, é nova criatura; as coisas antigas já passaram; eis que se fizeram novas.

O que eu quero que você entenda, é que exatamente essa a operação que o Espírito Santo faz dentro de uma pessoa, chamada para a Salvação.

O que eu quero que você observe também, é que a Palavra diz que é o próprio Deus que faz isso. Ou seja, Ele retira o coração de pedra pela ministração do evangelho, e coloca no lugar um coração de carne, que é capaz de sensibilizar-se diante do pecado, desejando ardentemente ser livre de sua escravidão e corrupção.

Portanto, através desse novo sentimento interior, produzido pelo novo coração que recebemos do Pai, foi que Deus nos apresentou a Jesus Cristo. Em Zc 12:10 a Palavra diz assim:

10 E sobre a casa de Davi e sobre os habitantes de Jerusalém derramarei o espírito da graça e de súplicas; olharão para aquele a quem traspassaram; pranteá-lo-ão como quem pranteia por um unigênito e chorarão por ele como se chora amargamente pelo primogênito.

Quando Deus nos faz olhar para Jesus Cristo, nós somos inclinados a obedecê-Lo, e o Espirto Santo começa a remover de nós todos os desejos carnais (da velha natureza). Ele começa a produzir essa nova vida, novos sonhos, novos planos, novos projetos de vida. Onde Jesus Cristo torna-se o Cabeça. Jesus passa a ser aquele que governa. E a partir dai, uma nova vontade, renovada pela Graça, brota dentro de nós.

Paulo diz assim em Rm 8:2-4.

2 Porque a lei do Espírito da vida, em Cristo Jesus, te livrou da lei do pecado e da morte. 3 Porquanto o que fora impossível à lei, no que estava enferma pela carne, isso fez Deus enviando o seu próprio Filho em semelhança de carne pecaminosa e no tocante ao pecado; e, com efeito, condenou Deus, na carne, o pecado, 4 a fim de que o preceito da lei se cumprisse em nós, que não andamos segundo a carne, mas segundo o Espírito..

Portanto, é de muita importância entendermos esse processo, de que o aceitar a Cristo como Senhor e Salvador da vida, provém tanto de Deus quanto todo o restante da Salvação.

Ninguém se dobraria a Ele se Ele não dobrasse a vontade do homem, mudando seu coração.

Em Gênesis, tanto o Pai, Filho e Espírito Santo estiveram atuantes na criação do homem, na existência do ser humano. Veja que em Gn 1:26, a Palavra diz assim:

26 Também disse Deus: Façamos (Deus Pai, Filho, Espirto santo) o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança; tenha ele domínio (Governe) sobre os peixes do mar, sobre as aves dos céus, sobre os animais domésticos, sobre toda a terra e sobre todos os répteis que rastejam pela terra.

Portanto, devemos crer também, que na salvação das vidas, os três se fazem presentes e atuantes. O Pai conduzindo-nos a Jesus Cristo, o Espírito Santo passando a operar nos convencendo. Para que o Filho nos salve, por sua morte na Cruz, a todos os que estavam com o coração endurecido, pela morte em seus corações. Por isso, o salmista diz assim a Deus, Sl 51:10.

10 Cria em mim, ó Deus, um coração puro e renova dentro de mim um espírito inabalável.

Como está o seu coração? O mesmo? Ou você já notou que ele mudou? Ou você tem notado que nada tem acontecido de especial?

Sera que não é você quem tem deixado ele ficar endurecido, por causa das adversidades da vida ou porque você mesmo tem resistido à presença do Espírito Santo, para que ele permaneça em você? Como está o seu coração?

Analise um pouco você, porque a boca fala o que o coração está cheio. Vc tem um devocional com Ele? Nos cultos de adoração ao Senhor, você O adora mesmo? Você tem lido a Bíblia, feito orações, intercessões, orado pela casa de Deus, a Sua Igreja, os seus líderes que tem te trazido cura e libertação pela Palavra em sua vida?

Lembre-se, quem faz isso, trará para dentro da sua casa: a presença de Deus, a  paz, o amor, a segurança, a alegria, a propsreidade, a satisfação espiritual, e a sua família será cada vez mais unida.

Seus pés serão formosos. Porque você sentirá o desejo de ganhar vidas, consolidar vidas, discipular vidas, e enviar vidas, ou seja, é o amor do Pai sendo manifestado através de você. Porque a semente que plantamos, colhemos, seja boa ou ruim.

Que Deus os abençoe em Nome de Jesus Cristo, e faça crescer, faça multiplicar o que tem recebido, e faça vocês prosperarem em todos os sentidos, com o entendimento de que a sua geografia é o território da promessa.

Amém! Beijo no coração!
 

Alameda Contorno, Nº 1842, Qd. 52, Lt. 13 e 14 - Jardim Santo Antonio - Goiânia-GO CEP: 74.853-120 Telefone: (62) 3922-3812
Segunda a sexta - 8 hs às 12 hs e 14 hs às 17 hs
Net Suprema