TEMA 2022: MINHA GEOGRAFIA É TERRITÓRIO DA PROMESSA
image

VOLTANDO PARA AS MÃOS DE DEUS

Há momentos na vida que fazem com que pensemos em voltar atrás. E geralmente acontecem quando passamos por situações difíceis. Nós ficamos sem atitude, sem saber o que fazer, temendo o que está por vir.

Não é nada fácil passar por problemas e enfrentar o desânimo e a falta de coragem. Mas uma coisa é certa: Nós não estamos sós. Nós temos alguém em quem podemos confiar, temos alguém para contarmos os nossos problemas. Precisamos ter esperança.

Hoje veremos que Israel se deparou com uma situação em que não sabia o que fazer para solucionar, e eles acabaram ficando totalmente na dependência do agir de Deus, e então os filhos de Israel clamaram ao Senhor.

Veremos sobre essa opressão em Jz 6:1-6.

1 Fizeram os filhos de Israel o que era mau perante o Senhor; por isso, o Senhor os entregou nas mãos dos midianitas por sete anos. 2 Prevalecendo o domínio dos midianitas sobre Israel, fizeram estes para si, por causa dos midianitas, as covas que estão nos montes, e as cavernas, e as fortificações. 3 Porque, cada vez que Israel semeava, os midianitas e os amalequitas, como também os povos do Oriente, subiam contra ele. 4 E contra ele se acampavam, destruindo os produtos da terra até à vizinhança de Gaza, e não deixavam em Israel sustento algum, nem ovelhas, nem bois, nem jumentos. 5 Pois subiam com os seus gados e tendas e vinham como gafanhotos, em tanta multidão, que não se podiam contar, nem a eles nem aos seus camelos; e entravam na terra para a destruir. 6 Assim, Israel ficou muito debilitado com a presença dos midianitas; então, os filhos de Israel clamavam ao Senhor.

A Bíblia é muito clara quando diz que não tem maldição sem causa. Indagar os “porquês” a Deus, não cabe a nós, uma vez que todos nós sabemos exatamente o que fizemos.

Nós, como filhos de Deus, sabemos que toda semeadura tem uma colheita, não só no dizimo, oferta e primícias. Tudo o que se planta tem uma colheita.

Portanto, é inteligente vigiar sempre, e antes de queixar de Deus e para Deus, é inteligente parar e refletir o que causou esta ou aquela situação. Veja que o versículo 1 diz.

1 Fizeram os filhos de Israel o que era mau perante o Senhor; por isso, o Senhor os entregou nas mãos dos midianitas por sete anos.

Portanto, fazer, praticar o que é mau, não é um ato involuntário, mas consciente. Ou seja, como crentes, temos sido orientados, confrontados, e os ensinos são dados, ensinando que toda desobediência é uma desonra a Deus, e que teremos uma colheita também desses atos.

Se nós temos experimentado o resultado da obediência, com certeza, também passamos a experimentar os efeitos da desobediência. A desobediência do povo de Israel levou “o Senhor a entregar Israel nas mãos dos midianitas por sete anos”.                                                    

Enquanto andarmos na obediência, estaremos guardados nas mãos do Senhor. Mas, quando mudamos de senhor, outras mãos irão nos segurar, não mais para nos guardar, proteger, mas para prender-nos na malignidade da murmuração, dos medos, na miséria e na ruina (física, emocional e espiritual).

Portanto, o que podemos aprender neste texto? Que o israelitas mais uma vez chegaram no fundo do poço, para sentirem a necessidade de retornar para Deus, veja o versículo 2.

2 Prevalecendo o domínio dos midianitas sobre Israel, fizeram estes para si, por causa dos midianitas, as covas que estão nos montes, e as cavernas, e as fortificações.

Veja quanto sofrimento eles teriam evitado se tivessem confiado no Senhor, e obedecido a Deus!

Portanto, voltar-se para Deus não deve ser o nosso último recurso, nós devemos buscar a sua ajuda diariamente. Isso também não quer dizer, que a nossa vida será fácil. Existirão lutas, mas o Senhor dará forças para superá-las.

Não espere até o último momento! Busque a Deus em primeiro lugar e em qualquer situação!

A história diz que Israel viveu dias terríveis, porque os midianitas poderiam ter escravizado e feito o povo de Israel seus servos. Mas não! Veja que os medianitas deixavam Israel plantar, e usufruiriam de tudo, do fruto da terra, da colheita. Muitos na vida andam assim: Nas cavernas da vida, escondendo-se dos medianias opressores, com uma falsa liberdade, e não consegum juntar nada. Ou seja, o texto mostra bem claro, que o objetivo dos midianitas não era escravizá-los, eles permitiam Israel viver uma falsa “liberdade”. Versículos 3 a 5

3 Porque, cada vez que Israel semeava, os midianitas e os amalequitas, como também os povos do Oriente, subiam contra ele. 4 E contra ele se acampavam, destruindo os produtos da terra até à vizinhança de Gaza, e não deixavam em Israel sustento algum, nem ovelhas, nem bois, nem jumentos. 5 Pois subiam com os seus gados e tendas e vinham como gafanhotos, em tanta multidão, que não se podiam contar, nem a eles nem aos seus camelos; e ”entravam na terra para a destruir”.

Vejam a dimensão da maldade,que eles sofreram, devido a uma coisa só: a desobediência. Note que a Palavra diz que eles não atingiam as pessoas diretamente, eles também não levavam seus produtos, eles destruíam as suas fontes de subsistência. 

Trazendo esse texto para os nossos dias, até hoje, essa conversa não mudou, Satanás continua o mesmo, tem destruído muitas vidas, até mesmo os que um dia foram crentes fervorosos, destruindo sua produção, suas fontes de subsistência, destruindo o “fruto do seu trabalho”.  Muitos, na hora de usufruir não tem nada, estão sempre sem dinheiro, endividados, desistidos… Ou seja, satanás, o midianita espiritual, tem vindo de tempos em tempos, e destruído tudo, na vida de muitos!

O que pode estar acontecendo? Duas coisa podem estar acontecendo:

DESOBEDIÊNCIA OU  INFIDELIDADE.                                                                                                           

1º DESOBEDIÊNCIA.             

A desobediência começa quando damos vazão aos nossos pensamentos, e começamos a fazer maus olhos do Senhor, em coisas que já fomos tocados que são erradas, mas deixamos a "voz interior" falar mais alto em nossas emoções; Ah, isso “não tem problema”! Ah, o que tem isso a ver? Ah, isso não! Isso não faz mal! é coisa da sua cabeça!

Quando estamos cegos, nós não notamos mais as atitudes de desobediência, e as coisas que um dia estavam conosco, começam a mudar de mão. Muito não notam, mas quando notam vêem aos poucos que foi devido à desobediência, as coisas, os bens, enfim, tudo começa a mudar de mãos. Ou seja, começam a sair das mãos protetoras de Deus, para as mãos de Lúcifer.
                                                    
Nós somos crentes, portanto sabemos que satanás veio para destruir tudo que você tem. Por isso, mesmo andando com Deus, a consequência da desobediência é a destruição de coisas e até do homem, que já estão emocionalmente desisitidos, quando tal coisa acontece.

Vemos na Bíblia Gideão, que emocionalmente estava triste, arrasado, sem forças para lutar. E ao receber a visita do anjo, logo disse no versículo 13.

13 Respondeu-lhe Gideão: Ai, senhor meu! Se o Senhor é conosco, por que nos sobreveio tudo isto? E que é feito de todas as suas maravilhas que nossos pais nos contaram, dizendo: Não nos fez o Senhor subir do Egito? Porém, agora, o Senhor nos desamparou e nos entregou nas mãos dos midianitas.

Podemos aprender que a “desobediência a Deus”, leva a perdermos coisas. O preço é muito alto e caro! Não vale a pena! Por isso, devemos levar a Palavra de Deus na sua essência, salvando vidas do fracasso, da derrota, mostrando sempre a verdade. Por que você não está plantando no Reino? Sua plantação dará vitória e levará vitória a muitas vidas. Almas – Células e Famílias.

2º A INFIDELIDADE.

Muitas vezes devido à situação de infidelidade nossa mesmo, deixamos de honrar a Deus com os dízimos, ofertas e primícias. E da mesma forma que Satanás vem roubar o fruto da terra, ele age como o novo senhor da sua vida. Nós mesmos, pelas atitudes de desobediência escolhemos. Só que ele veio para destruir, devido à desonra da infidelidade: as coisas. Os bens. E até a vida. Porque ele veio para roubar de Deus.

Nós vimos na Palavra, que na época da colheita do povo de Deus, na casa do Senhor, não se via os frutos, porque os descendentes dos midianitas e amalequitas destruíam o fruto da terra, deixando ascasa do Senhor sem sustento algum, sem ovelhas, bois ou jumentos. Versículo 4.

4 E contra ele se acampavam, destruindo os produtos da terra até à vizinhança de Gaza, e não deixavam em Israel sustento algum, nem ovelhas, nem bois, nem jumentos.

A situação chegou a um ponto, que Israel suspirou desistido, sem forças, sem saber o que fazer. Eles já estavam muito debilitados com a presença dos midianitas. Mas no versículo 6 a Palavra diz que: “então, os filhos de Israel clamavam ao Senhor”.

6 Assim, Israel ficou muito debilitado com a presença dos midianitas; então, os filhos de Israel clamavam ao Senhor.

Portanto, se temos alguma situação como essa do povo de Deus, podemos aprender muito com essa história.

Há uma saída! Nós lemos que saída que o povo encontrou, e serve para nós hoje, é que eles passaram a clamar ao Senhor, como lemos no versículo 6. E no versículo 8, vemos a resposta desse clamor.

8 o Senhor lhes enviou um profeta, que lhes disse: Assim diz o Senhor, Deus de Israel: Eu é que vos fiz subir do Egito e vos tirei da casa da servidão;

Nos versículos 11 e  12, Deus começa o processo contra a desobediência e a infidelidade do seu povo.

11 Então, veio o Anjo do Senhor, e assentou-se debaixo do carvalho que está em Ofra, que pertencia a Joás, abiezrita; e Gideão, seu filho, estava malhando o trigo no lagar, para o pôr a salvo dos midianitas. 12 Então, o Anjo do Senhor lhe apareceu e lhe disse: O Senhor é contigo, homem valente.

Note que o livramento começou, mas, veja o que o profeta diz, nos versículos  9 e  10.

9 e vos livrei da mão dos egípcios e da mão de todos quantos vos oprimiam; e os expulsei de diante de vós e vos dei a sua terra; 10 e disse: Eu sou o Senhor, vosso Deus; não temais os deuses dos amorreus, em cuja terra habitais; contudo, não destes “ouvidos à minha voz”.

Você quer mudança? Você está cansado? Você está desistido? Você não está vendo os seus frutos? Nem físicos e nem espirituais? Você está sendo saqueado em alguma área? Aqui está a saída: Volte para as mãos do Senhor,  aquele que te protege e tenha esperança!

O preço da “desobediência e infidelidade”, pode perdurar por muitos anos. Por que? Porque tudo na vida tem colheitas. Porém, nenhum de nós nasceu por engano ou sem propósito, nem nascemos para o fracasso! Pelo contrário, nós somos frutos dos sonhos de Deus.

Nascemos para sermos mais que vencedores em Cristo Jesus! Como diz Rm 8:37.

37 Em todas estas coisas, porém, somos mais que vencedores, por meio daquele que nos amou.

A Bíblia diz que antes da fundação do mundo fomos escolhidos.  Ef 1:4.

4 assim como nos escolheu, nele, antes da fundação do mundo, para sermos santos e irrepreensíveis perante ele; e em amor.

Deus quer dar vitória a cada um de nós! Você recebe esta vitória em nome de Jesus?

Comece a orar onde você está! Plante com amor, ore por vidas! Leve a Palavra de revelação! Plante a semente que  barrará satanás na vida das pessoas! Dedique-se com amor ao seu chamado! Não brinque com a desobediência! Plante almas, fazendo células, buscando as famílias! E você colherá a 100/1.  

Amém.

 

Alameda Contorno, Nº 1842, Qd. 52, Lt. 13 e 14 - Jardim Santo Antonio - Goiânia-GO CEP: 74.853-120 Telefone: (62) 3922-3812
Segunda a sexta - 8 hs às 12 hs e 14 hs às 17 hs
Net Suprema