TEMA 2021: DIAS DE ELIAS - VIVENDO UMA ATMOSFERA PROFÉTICA.
image

DO MEDO PARA A BÊNÇÃO

É difícil abrirmos a nossa boca para bendizer e inclinarmos o nosso coração a Deus, quando tudo parece estar desabando. E de alguma forma todos nós caminhamos em vales de sombra e de morte, (pandemia, assalto, etc) mas a questão é: como transformar esses vales de lágrimas em vales de Bênção?

Hoje, você irá orar a Deus, e Ele mandará a resposta que transformará sua derrota em vitória.

Precisamos entender que o MEDO faz três coisas; 1º O medo paralisa. 2º O medo confunde. 3º O medo freia a nossa fé.

II Cr 20:2-7 e versículos 12-21.

2 Então, vieram alguns que avisaram a Josafá, dizendo: Grande multidão vem contra ti dalém do mar e da Síria; eis que já estão em Hazazom-Tamar, que é En-Gedi. 3 Então, Josafá teve medo e se pôs a buscar ao Senhor; e apregoou jejum em todo o Judá. 4 Judá se congregou para pedir socorro ao Senhor; também de todas as cidades de Judá veio gente para buscar ao Senhor. 5 Pôs-se Josafá em pé, na congregação de Judá e de Jerusalém, na Casa do Senhor, diante do pátio novo, 6 e disse: Ah! Senhor, Deus de nossos pais, porventura, não és tu Deus nos céus? Não és tu que dominas sobre todos os reinos dos povos? Na tua mão, está a força e o poder, e não há quem te possa resistir. 7 Porventura, ó nosso Deus, não lançaste fora os moradores desta terra de diante do teu povo de Israel e não a deste para sempre à posteridade de Abraão, teu amigo?

Versículos 12-21. 12 Ah! Nosso Deus, acaso, não executarás tu o teu julgamento contra eles? Porque em nós não há força para resistirmos a essa grande multidão que vem contra nós, e não sabemos nós o que fazer; porém os nossos olhos estão postos em ti.
13 Todo o Judá estava em pé diante do Senhor, como também as suas crianças, as suas mulheres e os seus filhos. 14 Então, veio o Espírito do Senhor no meio da congregação, sobre Jaaziel, filho de Zacarias, filho de Benaia, filho de Jeiel, filho de Matanias, levita, dos filhos de Asafe, 15 e disse: Dai ouvidos, todo o Judá e vós, moradores de Jerusalém, e tu, ó rei Josafá, ao que vos diz o Senhor. Não temais, nem vos assusteis por causa desta grande multidão, pois a peleja não é vossa, mas de Deus. 16 Amanhã, descereis contra eles; eis que sobem pela ladeira de Ziz; encontrá-los-eis no fim do vale, defronte do deserto de Jeruel. 17 Neste encontro, não tereis de pelejar; tomai posição, ficai parados e vede o salvamento que o Senhor vos dará, ó Judá e Jerusalém. Não temais, nem vos assusteis; amanhã, saí-lhes ao encontro, porque o Senhor é convosco.
18 Então, Josafá se prostrou com o rosto em terra; e todo o Judá e os moradores de Jerusalém também se prostraram perante o Senhor e o adoraram. 19 Dispuseram-se os levitas, dos filhos dos coatitas e dos coreítas, para louvarem o Senhor, Deus de Israel, em voz alta, sobremaneira. 20 Pela manhã cedo, se levantaram e saíram ao deserto de Tecoa; ao saírem eles, pôs-se Josafá em pé e disse: Ouvi-me, ó Judá e vós, moradores de Jerusalém! Crede no Senhor, vosso Deus, e estareis seguros; crede nos seus profetas e prosperareis. 21 Aconselhou-se com o povo e ordenou cantores para o Senhor, que, vestidos de ornamentos sagrados e marchando à frente do exército, louvassem a Deus, dizendo: Rendei graças ao Senhor, porque a sua misericórdia dura para sempre.


O rei Josafá sentiu-se cercado em um vale rodeado de montes e teve medo, versículo 3.

3 Então, Josafá teve medo e se pôs a buscar ao Senhor; e apregoou jejum em todo o Judá.

Esta situação que o rei Josafa viveu, podemos dizer que era desesperadora, era um problemão, um sufoco, ou seja, era um "Vale do Medo". E o lugar onde eles estavam era um vale, um lugar baixo bem fundo, cercado de montanhas ao redor.

Nós sabemos que todo vale não tem visibilidade horizontal. E trazendo para os nossos dias; Existem muitas pessoas que estão vivendo em um vale de medo. No vale da sombra da morte. Ou seja, sem visão de uma solução para seu problema.

Nós sabemos que uma das ações do inimigo, é nos colocar o medo. Porque o medo cega as pessoas. E quando isso acontece, o raciocínio é comprometido por causa das situações de medo. E isso, nos traz consequências terríveis, porque acaba impedindo o nosso pensamento e criatividade.

Você já passou pelo Vale do Medo?

Hoje, vamos aprender sobre 7 situações, e como o rei Josafá e o povo de Deus saíram do Vale do Medo para as Bênção de Deus.

1ª Situação sobre a qual devemos aprender, e que levou o rei a sair desse vale, foi olhar para Deus: versículo 12.

12 Ah! Nosso Deus, acaso, não executarás tu o teu julgamento contra eles? Porque em nós não há força para resistirmos a essa grande multidão que vem contra nós, e não sabemos nós o que fazer; porém os nossos olhos estão postos em ti.

“nossos olhos estão postos em Ti”. Portanto, é nessa oração de Josafá, em que ele apresentou toda a situação para Deus, bem como seus temores, mas concluiu declarando para o Senhor que; "Muito maior do que tudo, é o Seu Deus".

Portanto, quando estivermos passando por algum problema ou por algum Vale de Medo, nada adianta ficar olhando para os problemas. Quanto mais focarmos na situação, mais tensa torna-se, e você gastará mais o seu tempo inutilmente.

A melhor coisa a fazer é olhar para o Senhor e contemplar a saída pela Graça de Deus.

Observe em sua vida, como você tem olhado os seus problemas? Será que você tem olhado mais para o problema ou buscado a solução em Deus? Porque o Espírito Santo te diz hoje; Firme seu olhar em Jesus, porque só Ele é a solução!

2ª Situação que levou o rei a sair desse vale. É preciso clamar para receber o Espírito Santo. Versículo 14.

14 Então, veio o Espírito do Senhor no meio da congregação, sobre Jaaziel, filho de Zacarias, filho de Benaia, filho de Jeiel, filho de Matanias, levita, dos filhos de Asafe.

O que você pode notar no texto, é que existe uma verdadeira busca; “Veio o Espírito do SENHOR no meio da congregação”

Portanto quando Josafá terminou sua oração, vemos que a palavra diz que veio o Espírito Santo sobre o povo. E todos os que estavam antes amedrontados, como a Igreja no dia de Pentecostes, ao sentir este poder foram fortalecidos.

Observe que depois de olhar para Deus, nós precisamos sempre buscar o Espírito Santo de Deus para nos fortalecer. Ou seja, quando nos sentimos sozinhos, quando temos medo, se a presença de Deus estiver conosco, mal algum temeremos, então, não há o que temer.

Você tem buscado a presença do Espírito Santo? Sempre?

Saiba que você não está sozinho, e é somente Deus quem pode te fortalecer!

3ª Situação que levou o rei a sair desse vale. Não temermos, e confiar que Deus lutará por nós. Versículo 15.

15 e disse: Dai ouvidos, todo o Judá e vós, moradores de Jerusalém, e tu, ó rei Josafá, ao que vos diz o Senhor. Não temais, nem vos assusteis por causa desta grande multidão, pois a peleja não é vossa, mas de Deus.

Portanto, veja que o rei Josafá que antes estava amedrontado, agora enche os pulmões para animar o povo.

O que ele fez? Garantiu para seus súditos, que embora como rei não pudesse fazer nada, Deus estaria com eles. Ou seja, de que eles não precisavam de um exército que os defendesse, porque o próprio Deus os defenderia.

Se nós fossemos olhar o número de inimigos, veríamos que não havia condições de se defenderem, mas Josafá entendeu que o exército de anjos de Deus é muito maior que o número de seus inimigos.

Portanto, se você for enumerar seus problemas e dificuldades, não irá a lugar algum. Mas se contemplar a grandeza de Deus, conseguirá lutar confiante na vitória que vem do Senhor. 

Você olha mais para os problemas ou você confia na proteção de Deus? Não tenha medo, Deus é maior que seus problemas!

4ª Situação que levou o rei a sair desse vale. Tomar posição e deixar Deus agir: Versículo 17.

17 Neste encontro, não tereis de pelejar; tomai posição, ficai parados e vede o salvamento que o Senhor vos dará, ó Judá e Jerusalém. “Não temais, nem vos assusteis; amanhã, saí-lhes ao encontro, porque o Senhor é convosco”.

Como rei e maioral do exército, Josafá tinha que tomar iniciativa e resolver tudo.  Contudo, para que Deus agisse, seria preciso total confiança, e para isso, eles não poderiam fazer nada. Eles deveriam tomar somente uma posição de fé para contemplar a ação de Deus.

Muitas vezes, nos achamos muito competentes para fazer o que queremos, e acostumamos a resolver tudo a nosso modo, e do nosso jeito. E somente quando nós nos vemos impotentes diante de situações impossíveis, é que deixamos Deus intervir poderosamente em nossas vidas.

Você tem feito as coisas das maneiras que queremos ou pedimos a orientação de Deus?
Porque a palavra diz que a resposta certa vem do alto, também diz que o coração do homem é enganoso.

Deus quer agir em sua vida, não tente interferir no propósito dEle para você mesmo.

5ª Situação que levou o rei a sair desse vale. Adorar a Deus: Versículos 18-19.

18 Então, Josafá se prostrou com o rosto em terra; e todo o Judá e os moradores de Jerusalém também se prostraram perante o Senhor e o adoraram. 19 Dispuseram-se os levitas, dos filhos dos coatitas e dos coreítas, para louvarem o Senhor, Deus de Israel, em voz alta, sobremaneira.

Veja que o rei teve mais uma atitude. O rei Josafá prostrou-se e adorou a Deus.

Um rei não se abaixava diante de ninguém, porque ele era o maior de todos. Mas Josafá não teve vergonha de se lançar ao chão, revelando sua submissão ao Senhor.

Toda adoração nos leva à presença de Deus, é onde nós recebemos o poder para vencer. .

Somente diante de Deus somos fortalecidos para alcançar o impossível.

Muitas vezes estamos tentando fazer coisas, quando não deveríamos fazer nada além de adorar a Deus.

Por acaso, você não estaria gastando o seu tempo resolvendo problemas, que só Deus pode resolver?

Deus te diz hoje: Invista mais do seu tempo em adoração e verá tudo resolvido, cura, milagres, prodígios e maravilhas acontecerão!

6ª Situação que levou o rei a sair desse vale. Crer nas Promessas de Deus: Versículo 20.

20 Pela manhã cedo, se levantaram e saíram ao deserto de Tecoa; ao saírem eles, pôs-se Josafá em pé e disse: “Ouvi-me, ó Judá e vós, moradores de Jerusalém! Crede no Senhor, vosso Deus, e estareis seguros; crede nos seus profetas e prosperareis”.

Portanto, veja que uma autoridade constituída por Deus, pode orientar o povo; “Crede no SENHOR, vosso Deus, e estareis seguros; crede nos seus profetas e prosperareis”.

Josafá ao adorar a Deus encheu-se de fé e coragem.

Josafá falou palavras inspiradoras ao povo, para que eles acreditassem na vitória.

Se o povo continuasse triste, não teriam forças para lutar. Por isso, o que o rei fez? “Trouxe à memória de todos, as Palavras de Deus e a mensagem de seus profetas”. Porque quando buscamos orientação nas Escrituras, nos sentimos preparados para enfrentar tudo, e em I Jo 5:4, o texto nos diz assim.

4 porque todo o que é nascido de Deus vence o mundo; e esta é a vitória que vence o mundo: a nossa fé.

Quando você enfrenta algum problema, você tem tirado tempo para ouvir e ler a Palavra?

Alimente sua fé com a Palavra de Deus!

7ª Situação que levou o rei a sair desse vale. Lute apenas espiritualmente: versículo 21.

21 Aconselhou-se com o povo e ordenou cantores para o Senhor, que, vestidos de ornamentos sagrados e marchando à frente do exército, louvassem a Deus, dizendo: “Rendei graças ao Senhor, porque a sua misericórdia dura para sempre”.

Quando eles começaram a cantar e a dar louvores a Deus, o SENHOR fez emboscadas ... e todos foram desbaratados.

Pense um pouco: Depois que Josafá fez tudo isso, Josafá poderia pensar que estava pronto e que ele poderia ir e lutar com a certeza da vitória! Era isso? Sim ou Não? Não. Porque a palavra diz que eles não deveriam fazer nada. Por que? Porque a batalha era espiritual. E foi por isso, que eles saíram vitoriosos e chegaram ao Vale da Bênção, versículo 24.

24 Quando os homens de Judá foram para o lugar de onde se avista o deserto e olharam para o imenso exército, viram somente cadáveres no chão; ninguém havia escapado.

Muitas vezes, achamos que, porque oramos ou recebemos uma palavra de fé, podemos fazer tudo do nosso jeito que vai dar tudo certo, mas não é assim.

A Bíblia ensina no Sl 37:3.

3 Confia no Senhor e faze o bem; habita na terra e alimenta-te da verdade.

Portanto, não adianta confiar e fazer tudo errado. Por isso, o crente precisa aprender a se defender espiritualmente.

Quando lutamos com as nossas próprias forças, ficamos muito cansados e sem condições de vencer, por isso Paulo diz assim em II Co 10:4.

4 Porque as armas da nossa milícia não são carnais, e sim poderosas em Deus, para destruir fortalezas, anulando nós sofismas 5 e toda altivez que se levante contra o conhecimento de Deus, e levando cativo todo pensamento à obediência de Cristo, 6 e estando prontos para punir toda desobediência, uma vez completa a vossa submissão.

Você tem a oportunidade de mostrar a Deus, que você quer vencer, passando a lutar espiritualmente! Ou você continuará com suas forças? Não lute com a carne. Sua batalha é espiritual! Saia do Vale do Medo e entre na Bênção! Deus te chama a possuir essa palavra do versículo 26.

26 Ao quarto dia, se ajuntaram no vale de Bênção, onde louvaram o Senhor; por isso, chamaram àquele lugar vale de Bênção, até ao dia de hoje.

Josafá e o povo de Israel saíram do vale do medo e chegaram ao Vale da Bênção, onde tiveram paz recebendo a benção do Senhor. Ou seja, a caminhada para sair do vale do medo, às vezes pode ser longa, por isso, você precisa:
- Olhar somente para Deus.
- Não temer, confiando que Deus te defenderá.
- Tomar posição deixando o Senhor agir.
- Precisamos ser adoradores.
- Precisamos crer nas promessas da Palavra.
- Precisamos lutar apenas espiritualmente.

Você está num vale de medo e solidão? Então, saia agora, e venha para o Vale da Bênção!

Ganhe vida! Consolide vidas! Discipule vidas! E envie vidas para Jesus!

Talvez o seu vale tenha se chamado até hoje: O “vale da sombra da morte”. Ou “vale de lágrimas”. Ou “Vale dos ossos secos”. Ou vale da tristeza etc.

Deus hoje está mudando os seus vales, e eles serão chamados a partir de hoje, de “vale da Bênção”!

Amem!!


 

CURTA NOSSO FACEBOOK

Alameda Contorno, Nº 1842, Qd. 52, Lt. 13 e 14 - Jardim Santo Antonio - Goiânia-GO CEP: 74.853-120 Telefone: (62) 3922-3812
Segunda a sexta - 8 hs às 12 hs e 14 hs às 17 hs
Net Suprema