TEMA 2021: DIAS DE ELIAS - VIVENDO UMA ATMOSFERA PROFÉTICA.
image

PORQUE AS PEDRAS DO ALTAR NÃO PODIAM SER LAVRADAS?

O altar tinha uma importância muito grande no culto a Deus no Antigo Testamento. Era sobre o altar, que a oferta ou o holocausto eram oferecidos, e em volta dele se reuniam os convidados em santa reverência perante o Senhor.

Todos os altares tinham modelos, com critérios pré-definidos por Deus. Por exemplo: o altar que tinha sido construído no monte Carmelo e que neste texto bíblico foi reconstruído pelo profeta Elias, continha elementos indispensáveis para que uma oferta fosse aceita diante de Deus. E o 1º elemento eram as pedras. Tinha que ser 12 pedras, e elas não poderiam ser trabalhadas, como se vê na ordem divina em Êx 20:25.

25 E se me fizeres um altar de pedras, não o farás de pedras lavradas; se sobre ele levantares o teu buril (instrumento de ferro para trabalhar a pedra), profaná-lo-ás".

Mas, por que as pedras tinham que ser brutas? Porque essas pedras não poderiam ser lavradas, não poderiam ser lapidadas, nem boleadas, nem polidas. Enfim, porque essas pedras não poderiam ser trabalhadas com ferramentas nem esculpidas? Porque só serviriam pedras brutas, no seu mais primordial estado e forma, naturais, ásperas, opacas, informes, imperfeitas? Porque, para a obra de Deus há um mistério: e o mistério é que não são as nossas habilidades que determinam os frutos e os resultados. Ou seja, nenhuma obra humana poderá nos levar à presença de Deus.
 
Para se alcançar o coração de um pecador com a mensagem do Evangelho, não é necessário a eloquência, muitos recursos, nem técnicos da oratória, coaching ou aparência impecável do orador, não!!!

Todos esses recursos são úteis, mas não são necessários, é até dispensáveis, como vimos no texto.

Veja que Paulo diz assim em I Co 2:1.

1 Eu, irmãos, quando fui ter convosco, anunciando-vos o testemunho de Deus, não o fiz com ostentação de linguagem ou de sabedoria..

Em I Co 1:17.

17 Porque não me enviou Cristo para batizar, mas para pregar o evangelho; não com sabedoria de palavra, para que se não anule a cruz de Cristo.

Portanto, nós somos o altar de Deus, para levar as boas novas. E nós não precisamos enfeitar esse altar que é você, e que é do Senhor, para que tenhamos resultados no levar o evangelho, que cura, sara e transforma, a todos os que se deixam ser transformados.

Lógico que precisamos ter reverência e honrá-lo com nosso melhor.

Nós não precisamos recorrer a técnicas de recursos humanos, para atrairmos a glória do Senhor e alcançarmos mais "fiéis" para nossa igreja.

Onde o homem põe a mão tentando melhorar, tentando tornar o altar mais atraente... menos manifestação de poder de Deus haverá.
                        
Veja que as pedras do altar do Senhor não podiam ser lapidadas.

Imaginem se o Senhor recebe em seu altar essas músicas "gospel" plagiadas do mundo, cujos compositores, em sua maioria, não são convertidos! O que estaria passando nesse Altar? Por isso, é preciso muito zelo.

Porque tinham que ser doze pedras?

A primeira vez que o Senhor exigiu que fossem utilizadas 12 pedras na edificação de um altar, foi na passagem do rio Jordão,  em Js 4:1-7.

1 Tendo, pois, todo o povo passado o Jordão, falou o Senhor a Josué, dizendo: 2 Tomai do povo doze homens, um de cada tribo, 3 e ordenai-lhes, dizendo: Daqui do meio do Jordão, do lugar onde, parados, pousaram os sacerdotes os pés, tomai doze pedras; e levai-as convosco e depositai-as no alojamento em que haveis de passar esta noite. 4 Chamou, pois, Josué os doze homens que escolhera dos filhos de Israel, 5 um de cada tribo, e disse-lhes: Passai adiante da arca do Senhor, vosso Deus, ao meio do Jordão; e cada um levante sobre o ombro uma pedra, segundo o número das tribos dos filhos de Israel, 6 para que isto seja por sinal entre vós; e, quando vossos filhos, no futuro, perguntarem, dizendo: Que vos significam estas pedras?, 7 então, lhes direis que as águas do Jordão foram cortadas diante da arca da Aliança do Senhor; em passando ela, foram as águas do Jordão cortadas. Estas pedras serão, para sempre, por memorial aos filhos de Israel.
 
Portanto, cada pedra seria retirada do leito do rio por um representante de cada uma das doze tribos de Israel. Mas qual o motivo? Versículo 7.

7 então, lhes direis que as águas do Jordão foram cortadas diante da arca da Aliança do Senhor; em passando ela, foram as águas do Jordão cortadas. Estas pedras serão, para sempre, por memorial aos filhos de Israel.

- O Próprio Deus respondeu: “Estas pedras serão, para sempre, por memorial aos filhos de Israel”.

Portanto, o povo de Deus precisava trazer sempre, ter em sua memória; Que Deus é o Deus de Israel. Que em todo o Israel, em todas as tribos, em todos os municípios, em todas as cidades, somente Deus Jeová - YAWHE, era e deveria ser o Deus de Israel.

Aquele altar serviria para trazer à memória do povo de Israel, o “milagre” da passagem do Jordão, ao chegarem à Terra Prometida. Por isso, Elias certamente tinha essa mesma intenção, um altar com doze pedras, para dizer ao povo Israel mais uma vez, que somente o SENHOR deveria ser adorado e servido, como Deus todo poderoso em todo o Israel.

Mas, o que as doze pedras representam em nossos dias?

1º As pedras representam as pessoas.

Cada crente em particular é uma pedra no altar de Deus. Se levarmos em conta que a reunião de salvos forma um altar de adoração, cada crente deve se sentir e se comportar como uma pedra. Veja o que diz em I Pe 2:4-5.

4 Chegando-vos para ele, a pedra que vive, rejeitada, sim, pelos homens, mas para com Deus eleita e preciosa, 5 também vós mesmos, como pedras que vivem, sois edificados casa espiritual para serdes sacerdócio santo, a fim de oferecerdes sacrifícios espirituais agradáveis a Deus por intermédio de Jesus Cristo.

2º Nós somos o Altar, através do nosso corpo. 

Em nossa vida cristã, que tipo de altares temos edificado para Deus? Sob o pretexto de erigir um altar, será que de fato temos trazido a honra e glória a Deus?                                                                                     

Se considerarmos que cada um de nós deve erguer um altar, sobre o qual devemos apresentar a Deus nosso sacrifício de louvor, a palavra nos diz assim em  Rm 12:1.

1 Rogo-vos, pois, irmãos, pelas misericórdias de Deus, que apresenteis o vosso corpo por sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, que é o vosso culto racional.

 Mas, Com quais pedras devemos construir esse altar?

1ª Pedra – AMOR.

Assim como um "marca-passo" implantado no peito de uma pessoa, regula os batimentos cardíacos, o amor de Cristo, uma vez implantado em sua vida, deve regularar todo o seu comportamento, os seus sentimentos, e inclusive, a sua adoração.

2ª Pedra – UNIÃO.

Sl 133:1-3, fala tudo dessa união, Deus ordena as benção.

1 Oh! Como é bom e agradável viverem unidos os irmãos! 2 É como o óleo precioso sobre a cabeça, o qual desce para a barba, a barba de Arão, e desce para a gola de suas vestes. 3 É como o orvalho do Hermom, que desce sobre os montes de Sião. Ali, ordena o Senhor a sua bênção e a vida para sempre.

3ª Pedra – ALEGRIA.

Fp 4:4.

4 Alegrai-vos sempre no Senhor; outra vez digo: alegrai-vos.


4ª Pedra - CÂNTICOS DE LOUVOR ao SENHOR. Sl 98:1.                                                                                                               
1 Cantai ao Senhor um cântico novo, porque ele tem feito maravilhas; a sua destra e o seu braço santo lhe alcançaram a vitória.

Sl 27:6.

6 Agora, será exaltada a minha cabeça acima dos inimigos que me cercam. No seu tabernáculo, oferecerei sacrifício de júbilo; cantarei e salmodiarei ao Senhor.

5ª Pedra – FÉ. Hb 11:1-3.                                                                                  

1 Ora, a fé é a certeza de coisas que se esperam, a convicção de fatos que se não vêem. 2 Pois, pela fé, os antigos obtiveram bom testemunho. 3 Pela fé, entendemos que foi o universo formado pela palavra de Deus, de maneira que o visível veio a existir das coisas que não aparecem.

Hb 11:6.

6 De fato, sem fé é impossível agradar a Deus, porquanto é necessário que aquele que se aproxima de Deus creia que ele existe e que se torna galardoador dos que o buscam.

6ª Pedra - A PALAVRA DE DEUS.

A leitura da Bíblia deve ser elemento indispensável em um culto de adoração.

Deus dá essa orientação a Josué assim em Js 1:8.

8 Não cesses de falar deste Livro da Lei; antes, medita nele dia e noite, para que tenhas cuidado de fazer segundo tudo quanto nele está escrito; então, farás prosperar o teu caminho e serás bem-sucedido.

7ª Pedra - DONS ESPIRITUAIS.

Essa pedra é importantissima, veja I Co 14:26.

26 Que fazer, pois, irmãos? Quando vos reunis, um tem salmo, outro, doutrina, este traz revelação, aquele, outra língua, e ainda outro, interpretação. Seja tudo feito para edificação.

8ª Pedra – É O ANSEIO POR DEUS.

Apresentar-se diante do Senhor sem o anseio por Deus é uma tremenda perca de tempo!

O que posso aprender do Senhor hoje? Sl 63:1-3.                                                                

1 Ó Deus, tu és o meu Deus forte; eu te busco ansiosamente; a minha alma tem sede de ti; meu corpo te almeja, como terra árida, exausta, sem água. 2 Assim, eu te contemplo no santuário, para ver a tua força e a tua glória. 3 Porque a tua graça é melhor do que a vida; os meus lábios te louvam.

9ª Pedra – OFERTA.

Isto mesmo, está escrito em Dt 16:16-17.

16 Três vezes no ano, todo varão entre ti aparecerá perante o Senhor, teu Deus, no lugar que escolher, na Festa dos Pães Asmos, e na Festa das Semanas, e na Festa dos Tabernáculos; porém não aparecerá de mãos vazias perante o Senhor; 17 cada um oferecerá na proporção em que possa dar, segundo a bênção que o Senhor, seu Deus, lhe houver concedido.
.
São três ofertas que nunca podemos deixar passar em brano em nossas vidas, para a palavra de Deus se cumprir, através da obediência. Ah, eu dou depois! Ou vários outros argumentos são usados. Mas o texto é claro: “não aparecerá de mãos vazias perante o Senhor”.

10ª Pedra – HUMILDADE. At 20:19-20.

19 servindo ao Senhor com toda a humildade, lágrimas e provações que, pelas ciladas dos judeus, me sobrevieram, 20 jamais deixando de vos anunciar coisa alguma proveitosa e de vo-la ensinar publicamente e também de casa em casa.

Seja qual for a situação, a célula tem que ser feita e existir em nosso contexto.

11ª Pedra – REVERÊNCIA
.
Essa pedra deve ser muito vigiada, Sl 89:7.

7 Deus é sobremodo tremendo na assembléia dos santos e temível sobre todos os que o rodeiam.

E em Ec 5:1 diz assim:

1 Guarda o pé, quando entrares na Casa de Deus; chegar-se para ouvir é melhor do que oferecer sacrifícios de tolos, pois não sabem que fazem mal.

12ª Pedra – GLORIFICAÇÃO. Sl 29:9.
                                                  
 9 A voz do Senhor faz dar cria às corças e desnuda os bosques; e no seu templo tudo diz: Glória!

Sl 50:23.

23 O que me oferece sacrifício de ações de graças, esse me glorificará; e ao que prepara o seu caminho, dar-lhe-ei que veja a salvação de Deus.

Feche os seus olhos e reflita: Que altar você tem erguido para Deus? Que sacrifícios espirituais agradáveis a Deus temos oferecido?  Que seu Altar seja puro, genuíno, sempre glorificando aquele que Reina e te protege.

Entre sempre na presença de Deus como você é, sem máscaras, sem disfarces e rasgue o seu coração em uma verdadeira adoração. Pai! Tenho trazido esses e esse frutos? Tenho levado a sua mensagem? Tenho feito célula com amor?

O altar que tenho erguido para o Senhor é de amor, união, alegria, de louvor, de fé, com palavras divinas, com seus dons fluindo, com muito anseio por sua presença, com ofertas, com humildade, muita reverência para que o Senhor seja glorificado.
 
Fale a Deus da obra que você tem feito, peça ajuda a Ele. Peça unção, bom testemunho, peça perdão pela falsa adoração, porque Ele vive para sempre!

Se você tem falhado, peça perdão! Se Deus te chamou e você anda negligente, peça ajuda e tenha atitudes!

Lembre-se, sempre quando entrar na presença de Deus, apresente a Ele um altar digno, no padrão que Deus merece.

Nunca apresente a Deus algo que O entristeça.

Mesmo que você não esteja bem, rasgue o seu coração a Ele, para que nesse momento o sobrenatural aconteça em sua vida.

Lembre-se, você faz parte, você é pedra do Altar de Deus, honre-o. I Pe 2:5.

5 também vós mesmos, como pedras que vivem, sois “edificados casa espiritual” para “serdes sacerdócio santo”, a “fim de oferecerdes sacrifícios espirituais agradáveis a Deus” por intermédio de Jesus Cristo.

Amém!
 

CURTA NOSSO FACEBOOK

Alameda Contorno, Nº 1842, Qd. 52, Lt. 13 e 14 - Jardim Santo Antonio - Goiânia-GO CEP: 74.853-120 Telefone: (62) 3922-3812
Segunda a sexta - 8 hs às 12 hs e 14 hs às 17 hs
Net Suprema