TEMA 2021: DIAS DE ELIAS - VIVENDO UMA ATMOSFERA PROFÉTICA.
image

A VERDADEIRA LUZ

Nosso tema é: Dias de Elias, vivendo uma atmosfera profética!

Veja que em Jo 8:12, diz:

12 De novo, lhes falava Jesus, dizendo: Eu sou a luz do mundo; quem Me segue não andará nas trevas; pelo contrário, terá a luz da vida.

Então, nós temos que buscar esse entendimento, sermos humildes e compreender que sem a luz de Cristo, não somos nada. 

Eu e você, não somos a verdadeira luz do mundo. Jesus é quem é a verdadeira luz!

Nós somos luz, porque estamos ligados nEle, porque O seguimos. Porém, nós não temos luz em nós mesmos, assim como a Lua não tem luz sem o Sol, nem a lâmpada, sem estar ligada a uma fonte de energia elétrica, brilhará.

Nós devemos nos alegrar, porque Deus nos deu o grande privilégio, de como cristãos podermos ser luz.

Mt 5:14-16

14 Vós sois a luz do mundo. Não se pode esconder a cidade edificada sobre um monte; 15 nem se acende uma candeia para colocá-la debaixo do alqueire, mas no velador, e alumia a todos os que se encontram na casa. 16 Assim brilhe também a vossa luz diante dos homens, para que vejam as vossas boas obras e glorifiquem a vosso Pai que está nos céus.

Na verdade, nós não somos a verdadeira luz, mas um reflexo ou extensão da verdadeira luz que é Jesus.

É muito importante, nós estarmos ligados à fonte de poder espiritual.

Existe até uma ilustração baseada na lamparina, que nos ajudará a entender melhor.

Uma lamparina consiste de um vaso cheio de óleo e um pavio, que aponta para fora. E nós sabemos que o óleo é absolutamente essencial para o funcionamento de uma lamparina. Ou seja, sem o suprimento de óleo, a lamparina será inútil e não produzirá luz.

Assim acontece conosco. Precisamos ter Cristo em nós, através do Espírito Santo a cada dia.

Nós não podemos funcionar como luz, sem ter Cristo em nosso interior diariamente, sem um relacionamento íntimo com o Senhor da luz. Porque esse suprimento de luz, não acontece logo em nossas vidas após a conversão, que deve durar para sempre. Não! Precisamos ir a Jesus diariamente, por meio da oração, jejum e comunhão com a Palavra. E a medida que recebemos o óleo diariamente, temos sim, a luz para levar a outros.

Outra coisa que é muito importante em uma lamparina, é o pavio.

O pavio é um elemento essencial nas lamparinas. Quando o pavio fica desgastado, e começa a fumegar, ele deixa de dar luz, e passa a dar uma luz inadequada e fumaça. O que fazer então? Pega-se o pavio, para ser aparado, corta aquela fuligem, retira aquela parte desgastada, para que sua luz possa brilhar novamente.

Assim somos nós, em nossa vida espiritual! Precisamos dia a dia nos avaliar, e ver que tipo de luz estamos emitindo.

Portanto, precisamos estar bem preparados, e com o pavio aparado por Deus em nossas vidas, a fim de mantermos o pavio queimando, de modo que emitiremos somente a luz, e não fumaça.

Qual é a função da luz? Em Fp 2:15, a palavra nos diz assim:

15 para que vos torneis irrepreensíveis e sinceros, filhos de Deus inculpáveis no meio de uma geração pervertida e corrupta, na qual resplandeceis como luzeiros no mundo,

Resplandeceis como luzeiros no mundo!

Essa compreenção como luzeiros do mundo, nos faz compreender que, como cristãos, precisamos ser diferentes.

Diferentes? Sim, diferentes dos nossos vizinhos, diferentes de todos aqueles que não são cristãos. Por isso, a luz  é significativa, e ela é diferente do meio em que se encontra.

Se a luz não iluminar bem, não têm função e nem utilidade. Ou seja, como cristãos nascidos de novo, somos luz do mundo e sal da Terra, precisamos ser diferentes da cultura que nos rodeia, assim como Jesus foi diferente do mundo. Mas, você pode se perguntar: como um cristão pode mostrar que é verdadeiramente a luz do mundo?

A resposta está em nós considerarmos as funções da luz.

Uma luz tem muitas funções. Por exemplo:

A primeira delas é expor as trevas, e as coisas que pertencem às trevas.

Uma coisa é certa, as pessoas não se conscientizam das trevas, até que se acenda uma luz para elas. Por isso, precisamos imaginar a luz de uma lanterna. A luz de uma lanterna, quando voce acende em uma estrada escura, repentinamente a escuridão desaparece, e as coisas começam a ficar expostas.

Na realidade, essa luz mudará todas as coisas, tanto para quem está usando como para quem anda nesta estrada escura.

Será que a minha vida tem ajudado as outras pessoas a enxergarem o melhor caminho, com mais nitidez?

Sl 109:105.

105 Lâmpada para os meus pés é a Tua palavra, e luz para os meus caminhos.

Nós somos crentes, Deus não está falando para outras pessoas!

Então, como luz do mundo, a nossa vida como cristãos, precisa expor as trevas, pelos princípios que seguimos, e pela nossa maneira de viver.

Esse ano, o nosso tema é: Dias de Elias, vivendo uma atmosfera profética!

Por isso, precisamos profetizar uma nova atmosfera e expor a escuridão, porque é a função da luz.

Em um certo sentido, no mundo real, a luz serve para nos dar direção das coisas.

Quando penso na função da luz, no sentido de nos dar direção, de nos guiar, podemos lembrar das fileiras de luz dos dois lados, da pista de um aeroporto.

As luzes mostram aos pilotos onde exatamente é a pista, e onde é seguro para aterrissar.

Então, a luz, que é Jesus, que nos guia, é que nos ajuda a saber a direção que devemos seguir.

Quando seguimos a orientação da luz, estamos seguros.

Quando, porém, tentamos aterrissar nas trevas, ou dirigir na escuridão, ou mesmo caminhar através de uma floresta desconhecida na escuridão, logo nos achamos em dificuldade. Qual será o primeiro sentimento? Todos descobriremos imediatamente que precisamos da luz para nos guiar.

Jesus veio a este mundo para ser a luz, para nos guiar. E embora Ele tenha voltado para o Céu, não nos deixou em trevas. Ele nos deu a Sua Palavra, como uma lâmpada para guiar nossos pés, através dos problemas da nossa vida.

Ef 5:8-10.

 8 Pois, outrora, éreis trevas, porém, agora, sois luz no Senhor; andai como filhos da luz 9 (porque o fruto da luz consiste em toda bondade, e justiça, e verdade), 10 provando sempre o que é agradável ao Senhor.

Os cristãos só tornam-se luzes, quando compartilham a Palavra de Deus com outros, quando tem uma vida diária de oração, de leitura da Bíblia e quando partilham os principios Biblicos.

A luz não tem apenas a função de guiar; ela tem também a função de advertir.

Nosso tema é: Dias de Elias, vivendo uma atmosfera profética!

Comece a criar uma atmosfera de oração em todas as áreas de sua vida! Agora!

Amem!


 

CURTA NOSSO FACEBOOK

Alameda Contorno, Nº 1842, Qd. 52, Lt. 13 e 14 - Jardim Santo Antonio - Goiânia-GO CEP: 74.853-120 Telefone: (62) 3922-3812
Segunda a sexta - 8 hs às 12 hs e 14 hs às 17 hs
Net Suprema