TEMA 2020: PREPARE O CAMINHO PARA O SENHOR.
image

QUANDO NINGUÉM ESTÁ OLHANDO, QUEM É VOCÊ?


Todos os crentes são chamados a ter uma reputação divina.

Qual é o significado de reputação? Significa, um conceito obtido por uma pessoa a partir do público ou da sociedade em que vive.

Portanto, entenda que a sua reputação sempre chegará antes de você! Ou seja, a reputação é o que as pessoas pensam de mim, do meu caráter, das minhas atitudes. Por isso a resposta do significado de uma reputação divina é: O que Deus sabe de mim ou de nós.

Apesar da responsabilidade de sermos modelo, de sermos uma referência como líderes e liderados, a nossa preocupação, não deve ser em preservar o bom testemunho, apenas quando somos vistos. Porque, é possível ter desvios de conduta fora de vigilância, e viver de forma teatral diante de observadores ou seguidores.

Existe uma definição popular e antiga que diz assim: “O caráter de uma pessoa é quando ninguém está olhando”.

Portanto, precisamos refletir, porque muitas vezes nos achamos donos da razão, por isso, devemos parar e pensar: “Quem é você quando ninguém está te olhando?”  Porque quando temos uma conduta “dúbia”, ou seja, quando temos um comportamento diferente quanto a uma plateia, ou pessoas, isso nos revela o caráter que temos e se prescisa ser tratado ou não. Porque esse sentimento não pode ser diferente, de quando estamos sozinhos.

“Os homens mostram seu caráter de maneira mais clara nas atitudes corriqueiras, quando não estão sendo observados”.

Temos na Biblia, Moisés, que foi um exemplo de grande líder! E mesmo assim, ele teve que lidar com o mesmo tipo de fraquezas e limitações, que líderes de todas as épocas, passaram, inclusive nós. 
                                                                                
Veja que o profeta Elias também, onde a Palavra de Deus afirma que: “era homem semelhante a nós, sujeito aos mesmos sentimentos” passou, veja em (versão utilizada RA) Tg 5:17a.

                       17 Elias era homem semelhante a nós, sujeito aos mesmos sentimentos, ......

Portanto, mesmo esses dois grandes líderes espirituais terem sido usados por Deus de forma tremenda, isso não impidiu o fato deles terem sentimentos, eram homens. Eles também precisaram ser trabalhados pelo Senhor, assim como você e eu necessitamos.

Observe a vida de Moisés, em Ex 2:11-15.

11 Naqueles dias, sendo Moisés já homem, saiu a seus irmãos e viu os seus labores penosos; e viu que certo egípcio espancava um hebreu, um do seu povo. 12 Olhou de um e de outro lado, e, vendo que não havia ali ninguém, matou o egípcio, e o escondeu na areia. 13 Saiu no dia seguinte, e eis que dois hebreus estavam brigando; e disse ao culpado: Por que espancas o teu próximo? 14 O qual respondeu: Quem te pôs por príncipe e juiz sobre nós? Pensas matar-me, como mataste o egípcio? Temeu, pois, Moisés e disse: Com certeza o descobriram. 15 Informado desse caso, procurou Faraó matar a Moisés; porém Moisés fugiu da presença de Faraó e se deteve na terra de Midiã; e assentou-se junto a um poço.

Observe a frase “olhou de um e de outro lado, e, vendo que não havia ali ninguém, matou o egípcio”.

Por qual motivo Moisés olhou para um lado e para o outro? Você acha que se houvesse testemunhas ele mataria o egípcio? É claro que não!

Portanto, naquele momento, ter ou não ter o público, foi o determinou o comportamento de Moisés, em um sentimento que assaltou suas emoções.

Muitas vezes agimos de forma semelhante. Porém, se você não faria algo na frente de outros, também não deveria fazer quando se encontra sozinho. Por exemplo: se aquilo que você assiste num quarto de hotel, ou em casa a noite quando está sozinho, você não teria coragem de assistir com alguém ao seu lado, então isso é óbvio que “não” devia estar assistindo a sós.

A coragem de Moisés de matar o egípcio veio da falta de testemunhas. O mesmo tem acontecido nos dias de hoje. Muitos, acreditando que ninguém está vendo, que ninguém ficará sabendo, estão fazendo.                                     

Porém o texto bíblico nos ensina que, mesmo o que achamos que ninguém viu será descoberto.

Uma lição fácil de se aprender, foi com o cadáver do egípcio que Moisés matou, enterrou, porém não permaneceu escondido.

Portanto, NÃO VIVA EM FUNÇÃO DA VIGILÂNCIA DOS HOMENS, porque caráter, tem a ver com os valores que cultivamos no íntimo, os quais nos obrigam a praticar mesmo sem ninguém para nos observar.

Quem deixa de fazer o mal apenas porque está sendo vigiado, não está preocupado com caráter, mas sim, somente com a sua reputação, ou seja, com o que os outros pensarão a respeito dele. Misericórdia!!!

Deixa eu citar aqui uma boa distinção entre caráter e reputação, que eu ouvi uma vez, para nós entendermos melhor, o que Deus quer nos falar nesta epoca que estamos vivendo.

O que sou na luz, determina minha credibilidade! O que sou no escuro determina minha autoridade!

Portanto, diante dos homens, nós precisamos de reputação, porque ela traz credibilidade, mas diante de Deus o que vale é o caráter. E é daí que vem a autoridade.

Portanto, zelar pela reputação é bom, e não podemos falar contra isso. Até porque a Palavra de Deus nos ensina a dar valor a ela. E, Pv 22:1 diz.

1 Mais vale o bom nome do que as muitas riquezas; e o ser estimado é melhor do que a prata e o ouro.

Por isso, um bom nome (ou boa reputação) é um dos maiores tesouros que podemos cultivar. No entanto deve ser a extensão do nosso caráter, e não uma forma de enganar aos que não conseguem ver nosso íntimo.                                                                           
Veja, que Jesus confrontou os fariseus repetidas vezes, por causa disso. E Ele nos ensinou que uma boa reputação sem um caráter não passa de hipocrisia! Mt 6:1.

1 Guardai-vos de exercer a vossa justiça diante dos homens, com o fim de serdes vistos por eles; doutra sorte, não tereis galardão junto de vosso Pai celeste.

Observe que Jesus não fala contra o ser visto pelos homens, uma vez que no mesmo sermão do Monte, Ele já havia dito que nossas boas obras, quando vistas pelos homens, podem levar outros a glorificar a Deus. Mt 5:16.
                         
16 Assim brilhe também a vossa luz diante dos homens, para que vejam as vossas boas obras e glorifiquem a vosso Pai que está nos céus.

Jesus confrontava os fariseus, pelo fato de que eles só faziam o bem porque queriam ser vistos pelos homens. E temos visto muitas passoas que pensam assim, porque o mundo lhes ensina isso, e seus ouvidos estão mais para as coisas carnais, coisas do mundo do que para as coisas espirituais.
                                                                         
Muitos na realidade, só estão construindo reputação. Muitos, fazem muitas coisas em oculto ou no privado, porque tem medo, e sabem que serão julgados pelos seus erros de caráter divino. Por isso, essas pessoas não fazem as coisas na luz, e nem em público, porque sabem das suas debilidades. E nós podemos ver isso, nos ensinos bíblicos.
                          
Observe o que Paulo falou acerca do comportamento que os servos devem ter, em Cl 3:22-24.

22 Servos, obedecei em tudo ao vosso (s)enhor segundo a carne, não servindo apenas sob vigilância, visando tão-somente agradar homens, mas em singeleza de coração, temendo ao (S)enhor. 23 Tudo quanto fizerdes, fazei-o de todo o coração, como para o Senhor e não para homens, 24 cientes de que recebereis do Senhor a recompensa da herança. A Cristo, o Senhor, é que estais servindo;

Agora, repare na frase “não servindo apenas sob vigilância, visando tão-somente agradar homens”. Isso indica que as nossas atitudes santas como cristãos, não deveriam melhorar só quando temos uma plateia ou estejamos na frente dos outros. E é por essa razão, que a frase continua acrescentando assim, “mas em singeleza de coração, temendo ao (S)enhor”. 

Por isso, o apóstolo Paulo nos leva ao entendimento do que é o caráter, no versículo 23.

23 Tudo quanto fizerdes, fazei-o de todo o coração, como para o Senhor e não para homens.

Esse é o segredo! Fazer tudo como para ao Senhor!

Eu não posso evitar o mal ou dedicar-me a fazer o bem, só quando sou visto pelos homens!                           

Mesmo que ninguém esteja me olhando, Deus vê! E é a Ele que devo me empenhar em honrar e agradar. Com isso em mente, podemos ver também a integridade de José em Gn 39:7-12.

7 Aconteceu, depois destas coisas, que a mulher de seu senhor pôs os olhos em José e lhe disse: Deita-te comigo. 8 Ele, porém, recusou e disse à mulher do seu senhor: Tem-me por mordomo o meu senhor e não sabe do que há em casa, pois tudo o que tem me passou ele às minhas mãos. 9 Ele não é maior do que eu nesta casa e nenhuma coisa me vedou, senão a ti, porque és sua mulher; como, pois, cometeria eu tamanha maldade e pecaria contra Deus? 10 Falando ela a José todos os dias, e não lhe dando ele ouvidos, para se deitar com ela e estar com ela, 11 sucedeu que, certo dia, veio ele a casa, para atender aos negócios; e ninguém dos de casa se achava presente. 12 Então, ela o pegou pelas vestes e lhe disse: Deita-te comigo; ele, porém, deixando as vestes nas mãos dela, saiu, fugindo para fora.

Nós podemos aprender demais, com esse comportamento de José. Note, que José, não estava preocupado apenas com sua reputação, com o que os homens diriam a respeito dele. Pelo contrário, se fosse assim, ele teria aproveitado a “oportunidade” que teve de se deitar com a mulher de Potifar. Até porque ele teve o “cenário perfeito” para um deslize quando se viu sozinho com ela em casa. E a Bíblia diz que nenhum dos empregados estava ali. Ou seja, seria na perspectiva maligna, a “hora perfeita” para fazer aquilo sem ser visto por mais ninguém.

Porém a Bíblia revela duas lições importantes sobre a atitude desse homem de Deus.

1º Ele se recusava a deitar com ela e… = Reputação.
2º Evitava ficar perto dela = Caráter.


Portanto a decisão de recusar deitar-se com aquela mulher, nos mostra integridade de José. Já a decisão de evitar ficar perto dela, nos revela o reconhecimento de sua fragilidade.

Isso nos ensina que reconhecer o perigo da queda, deve nos levar a andar em vigilância.
                             
A Palavra de Deus alerta que quem brinca com fogo acaba se queimando, Pv 6:27-28.

27 Tomará alguém fogo no seio, sem que as suas vestes se incendeiem? 28 Ou andará alguém sobre brasas, sem que se queimem os seus pés?

Eu creio que José ao fugir da casa, nos mostra uma atitude de prudência, porém a própria prudência nos revela que a tentação se fez presente. E eu não acho que José fugiu com medo de ser violentado pela mulher.

Eu acredito que ele fugiu para evitar embaraçar-se num laço maligno, que se apresentou de uma forma muito bem atraente.

Eu creio também, que esse homem de Deus, fugiu dele mesmo! Ou seja, José tinha o entendimento que deveria agradar a Deus.

José não falou apenas sobre pecar contra seu senhor terreno, mas contra o Senhor Celestial, veja o que ele disse no versículo 9.

9 Ele não é maior do que eu nesta casa e nenhuma coisa me vedou, senão a ti, porque és sua mulher; como, pois, cometeria eu tamanha maldade “e pecaria contra Deus”?

E foi aqui, que nós temos um dos pontos mais altos da lição que José nos ensina. Não importa se há ou não testemunhas humanas, porque olhos de Deus estão sobre nós.

O DEUS QUE TUDO VÊ, O QUE ELE TEM VISTO EM NOSSAS ATITUDES, EM NOSSO CARÁTER, EM NOSSA REPUTAÇÃO DIVINA?

Porque é nesse tempo em que estamos vivendo, de incertezas, que prescisamos ter o entendimento de mostrar o que está em nossos corações.

Veja que quando Adão e Eva pecaram, eles acreditaram que poderiam esconder-se, e esqueceram-se, de que Deus tudo vê.

Quando Moisés olhou de um lado para o outro, e encorajou-se e matou o egípcio, tudo porque não havia testemunhas. Porém, esqueceu-se de que Deus tudo vê.

Quando Davi mandou trazer Bate-Seba para o palácio, esqueceu-se de que Deus, tudo vê.

Quando a Bíblia fala de Jesus com olhos como chamas de fogo, na carta à Igreja de Tiatira, a palavra está se referindo ao fato de que Ele vê o pecado e trata-o. Ap 2:18-23.

18 Ao anjo da igreja em Tiatira escreve: Estas coisas diz o Filho de Deus, que tem os olhos como chama de fogo e os pés semelhantes ao bronze polido: 19 Conheço as tuas obras, o teu amor, a tua fé, o teu serviço, a tua perseverança e as tuas últimas obras, mais numerosas do que as primeiras. 20 Tenho, porém, contra ti o tolerares que essa mulher, Jezabel, que a si mesma se declara profetisa, não somente ensine, mas ainda seduza os meus servos a praticarem a prostituição e a comerem coisas sacrificadas aos ídolos. 21 Dei-lhe tempo para que se arrependesse; ela, todavia, não quer arrepender-se da sua prostituição. 22 Eis que a prostro de cama, bem como em grande tribulação os que com ela adulteram, caso não se arrependam das obras que ela incita. 23 Matarei os seus filhos, e todas as igrejas conhecerão que eu sou aquele que sonda mentes e corações, e vos darei a cada um segundo as vossas obras.

Portanto amados, chegará o dia em que tudo o que estava oculto será trazido à luz.

TUDO SERÁ DESCOBERTO!

Nada que fazemos escondido permanecerá escondido… um dia tudo será revelado! Em Mt 10:26 diz.

26 Portanto, não os temais; pois nada há encoberto, que não venha a ser revelado; nem oculto, que não venha a ser conhecido.

Moisés escondeu na areia o corpo do egípcio que ele matou, mas deve ter ficado o dedão de fora, kkkk a Bíblia não fala, mas foi descoberto.
                                                                                   
Amados, algumas coisas demoram para vir à luz. E outras, talvez só sejam reveladas no dia do juízo. Porém, a Bíblia mostra alguma distinção aqui, quando Palulo fala a Timóteo assim em I Tm 5:24.
                                                                                                                             
24 Os pecados de alguns homens são notórios e levam a juízo, ao passo que os de outros só mais tarde se manifestam.

Agora, o que exatamente leva cada tipo de pecado a ser revelado, antes ou depois, eu não sei. E só sei que tudo será julgado, ainda que possa ocorrer em tempos distintos na vida das pessoas.

Poranto, mais do que uma reputação, nós devemos manifestar um caráter. Porque o caráter é aquilo que devemos ser aos olhos de Deus, mesmo que ninguém mais nos veja. Ou seja, devemos viver conscientes de que Deus sempre nos vê, e sabe o que somos, o que devemos ser por causa dEle, não por causa do que outros vêem ou pensam.                                                      
O nosso carater divino deve existir por amor, mas também por profundo temor e senso de responsabilidade. Porque, uma popularidade pode ser alcançada rapidamente, mas um caráter nobre é o produto de anos e anos de treinamento e disciplinas divinas.

Deus quer arrancar rapidamente essa máscara que estamos sendo obrigados a usar nos dias de hoje. Nós somos diferentes.

Como você está “PREPARANDO O CAMINHO DO SENHOR”. Quando eu estou falando assim, eu estou falando de IGREJA, LÍDERES e MEMBROS!!!

Jesus ensinou aos seu discípulos, e a nós hoje, assim em Jo 13:34.

34 Novo mandamento  vos dou: que vos "AMEIS UNS AOS OUTROS"; assim como “EU VOS AMEI”, que também “VOS AMEIS UNS AOS OUTROS”.

CUIDADO!!!!!!  Está chegando um novo Tempo!!! Por isso, o diabo não quer que você tenha esse entendimento.

Novamente aviso: CUIDADO, PRESCISAMOS ESTAR VIGILANTES!!! Porque é justamente na honra a Deus, que vem as provas. E infelizmente nessas provas, muitos abandonam o “AMOR A DEUS e ao PRÓXIMO”. Isso nos trás consequências, porque como cristãos, quem não “HONRA”, não aprendeu com Jesus sobre o “amor”. E o pior é que no lugar da “honra”, começa a se instalar a "desonra" e esse último, passa a governar a vida de que assim age.

"A quem muito é dado, muito será cobrado”!!!!                  

A palavra nos adverte assim em I Jo 4:19-20.

19 "Nós amamos" porque ele nos amou primeiro. 20 Se alguém disser: "Amo a Deus", e ODIAR a seu IRMÃO, é MENTIROSO; pois aquele que "não ama" a seu IRMÃO, a quem vê, não pode "amar a DEUS", a quem NÃO VÊ.

Portanto, o inimigo sabendo disso, sempre colocará barreiras, como brigas, discórdias, carnalidade, nervosismo, mentiras, fofocas, tormentos, contendas, desobediência, pecados, em fim, coloca a pessoas, como instrumento do afastamento de pessoas de DEUS, e depois, o afastamento da IGREJA.

O que passa a acontecer na vida dessas pessoas depois mais tarde? Começa a se instalar a frieza espiritual. A apatia pelas pessoas, como sinal de uma grande FORTALEZA na MENTE, que aos poucos, leva a pessoa a destruição.
Nós seremos cobrados! A quem a muito foi dado...

E pior, começamos a ver os erros dos outros e não vemos mais os nossos.

Tudo virá a tona! Deus esta vendo tudo isso!

Deus está nos dando a OPORTUNIDADE e entendimento espiritual, para colocarmos em prática. Jo 14:21.

21 Aquele que tem os meus mandamentos e os guarda, esse é o que me “ama”; e aquele que me “ama” será “amado” por meu Pai, e eu também o “amarei” e me manifestarei a ele.

Por isso, desejo a manifestação de JESUS em sua VIDA, com um caráter divino e uma reputação inabalável..

DEUS TE AMA e eu também!!!

Beijo no coração, vos amo!                                                           
Amem!!
 

CATEGORIAS

CURTA NOSSO FACEBOOK

Alameda Contorno, Nº 1840, Qd. 52, Lt. 13 e 14 - Jardim Santo Antonio - Goiânia-GO CEP: 74.853-120 Telefone: (62) 3922-3812
Segunda a sexta - 8 hs às 12 hs e 14 hs às 17 hs
Net Suprema