TEMA 2019: NOVOS COMEÇOS.

ATITUDES DE UM GUERREIRO

30/10/2019
Veremos hoje sobre um tremendo guerreiro de Deus, mas antes, eu quero ressaltar que Jesus em todo o seu ministério terreno, Jesus foi um homem de muitas atitudes. Por quê? Porque Jesus sabia a hora de ter atitudes e sabia a hora de falar, e até mesmo a hora de se calar.

DIGA: As minhas atitudes falam mais que palavras!

Esse guerreiro que veremos, continuando com o personagem da última célula, é Davi.

O texto que vamos ler, diz que Davi dispôs-se a pelejar contra o gigante Golias, em (versão utilizada RA) I Sm 17:31-33.

31 Ouvidas as “palavras” que Davi falara, anunciaram-nas a Saul, que mandou chamá-lo. 32 Davi disse a Saul: Não desfaleça o coração de ninguém por causa dele; teu servo irá e pelejará contra o filisteu. 33 Porém Saul disse a Davi: Contra o filisteu não poderás ir para pelejar com ele; pois tu és ainda moço, e ele, guerreiro desde a sua mocidade.                                           
Portanto, as nossas atitudes falam mais que palavras.

O que primeiro fez Davi, foi liberar palavras diante daquela circunstância. Versículo 31.

31 Ouvidas as “palavras” que Davi falara, anunciaram-nas a Saul, que mandou chamá-lo.

Nos versículos 34-37, continuava a liberar palavras que diziam de atitudes que ele dizia ter tomado, mas ainda continuavam as palavras.

34 Respondeu Davi a Saul: Teu servo apascentava as ovelhas de seu pai; quando veio um leão ou um urso e tomou um cordeiro do rebanho, 35 eu saí após ele, e o feri, e livrei o cordeiro da sua boca; levantando-se ele contra mim, agarrei-o pela barba, e o feri, e o matei. 36 O teu servo matou tanto o leão como o urso; este incircunciso filisteu será como um deles, porquanto afrontou os exércitos do Deus vivo. 37 Disse mais Davi: O Senhor me livrou das garras do leão e das do urso; ele me livrará das mãos deste filisteu. Então, disse Saul a Davi: Vai-te, e o Senhor seja contigo.                                                                                         

Depois de tantas palavras, as atitudes Davi trouxeram uma vitória ao exército de Israel.

Essa força não veio dele, mas de Deus! E nós sabemos que o exército filisteu tinha um soldado chamado Golias, que afrontava o exército de Israel.

Essa afronta já durava vários dias, e a cada dia o exército de Israel ficava com mais medo, e nenhuma atitude era tomada.

A palavra nos mostra que nenhum soldado teve a atitude de enfrentar aquele gigante.

DIGA: As minhas atitudes falam mais que palavras!

Quantas vezes só falamos! Já está chegando o mês 11, e não temos a atitude de levar o evangelho, ganhar vidas, fazer a célula.

Nós estamos em uma guerra contra as trevas!

Quem está ganhando essa guerra em sua vida? Os gigantes que nos colocam medo? A qual exército estamos servindo? Nós devemos aprender com este ensinamento e verificar se estamos falando muito e tomando poucas atitudes

Deus esse ano, eu vou levantar os 12. 11 meses, quantos ganhamos para Jesus? Esse ano eu vou abrir a minha célula, etc. Esse ano......

Ec 5:2
2 Não te precipites com a tua boca, nem o teu coração se apresse a pronunciar palavra alguma diante de Deus; porque Deus está nos céus, e tu, na terra; portanto, sejam poucas as tuas palavras.


O reino de Deus é tomado por esforço! Esforço exige atitude!

Diga: Para eu vencer os gigantes, eu preciso de atitudes de guerra!

Veja que Deus enviou livramento para o seu exército!

O filho de Jessé: Davi, jovem que cuidava das ovelhas do seu pai e que nunca havia lutado numa batalha. Mas, nos versículos 40 a 46, veremos que Davi, depois de falar, teve uma atitude.

40 Tomou o seu cajado na mão, e escolheu para si cinco pedras lisas do ribeiro, e as pôs no alforje de pastor, que trazia, a saber, no surrão; e, lançando mão da sua funda, foi-se chegando ao filisteu. 41 O filisteu também se vinha chegando a Davi; e o seu escudeiro ia adiante dele. 42 Olhando o filisteu e vendo a Davi, o desprezou, porquanto era moço ruivo e de boa aparência. 43 Disse o filisteu a Davi: Sou eu algum cão, para vires a mim com paus? E, pelos seus deuses, amaldiçoou o filisteu a Davi. 44 Disse mais o filisteu a Davi: Vem a mim, e darei a tua carne às aves do céu e às bestas-feras do campo. 45 Davi, porém, disse ao filisteu: Tu vens contra mim com espada, e com lança, e com escudo; eu, porém, vou contra ti em nome do Senhor dos Exércitos, o Deus dos exércitos de Israel, a quem tens afrontado. 46 Hoje mesmo, o Senhor te entregará nas minhas mãos; ferir-te-ei, tirar-te-ei a cabeça e os cadáveres do arraial dos filisteus darei, hoje mesmo, às aves dos céus e às bestas-feras da terra; e toda a terra saberá que há Deus em Israel.

E Davi nos ensina que através da nossa atitude, brota a fé, porque a fé é a certeza de coisas que se esperam, a
convicção de fatos que se não vêem.

Com aquela atitude de Davi, a fé brota na vida dele, e palavras surgem. Versículo 47.

47 Saberá toda esta multidão que o Senhor salva, não com espada, nem com lança;(Isso sig, seguranças humanas) porque do Senhor é a guerra, e ele vos entregará nas nossas mãos.

Deus só está esperando atitudes de alguns guerreiros, para desatar uma fé sobrenatural, e através dela, ganhar todas as guerras e em todas as áreas. Versículos 48-51.

48 Sucedeu que, dispondo-se o filisteu a encontrar-se com Davi, este se apressou e, deixando as suas fileiras, correu de encontro ao filisteu. 49 Davi meteu a mão no alforje, e tomou dali uma pedra, e com a funda lha atirou, e feriu o filisteu na testa; a pedra encravou-se-lhe na testa, e ele caiu com o rosto em terra. 50 Assim, prevaleceu Davi contra o filisteu, com uma funda e com uma pedra, e o feriu, e o matou; porém não havia espada na mão de Davi. 51 Pelo que correu Davi, e, lançando-se sobre o filisteu, tomou-lhe a espada, e desembainhou-a, e o matou, cortando-lhe com ela a cabeça. Vendo os filisteus que era morto o seu herói, fugiram. 

Lembre das palavras de Davi no versículo 46.

46 Hoje mesmo, o Senhor te entregará nas minhas mãos; ferir-te-ei, tirar-te-ei a cabeça                                                                          
Mas, o que podemos aprender com essa história de Davi e a essa escolha que Deus fez quando o chamou?

1º Que a obediência agrada a Deus.                                                    

Davi recebeu uma missão de seu pai, levar alimento para seus irmãos. A sua pronta obediência em servir, o levou para o campo de batalha. E ali ele foi tremendamente usado por Deus, derrotando o gigante Golias.

DIGA: Se você obedecer e servir, nos campos de batalha, Deus vai te dar vitória.

Se formos obedientes às autoridades, especialmente aos nossos pais, atraímos a bênção de Deus.

Davi obedeceu ao seu pai, uma autoridade, que disse: Vá levar comida.....

O que tem acontecido, é que muitos não têm entendimento sobre as autoridades que Deus constituiu. Leia Rm 13:1.

1 Todo homem esteja sujeito às autoridades superiores; porque não há autoridade que não proceda de Deus; e as autoridades que existem foram por ele instituídas.

Portanto, quando ouvimos e obedecemos às orientações dessas pessoas (pais, professores, líderes governamentais e espirituais, Apóstolos, pastores) estamos obedecendo ao próprio Senhor e abrindo os céus de bênçãos em nossa direção. Rm 13:2

2 De modo que aquele que se opõe à autoridade resiste à ordenação de Deus; e os que resistem trarão sobre si mesmos condenação.

Diga assim: Para eu vencer os gigantes, eu não posso só ter palavras humanas, eu precisa ter Atitudes de guerra.
Estamos no Tema: NOVOS COMEÇOS! É tempo de intimidade com Deus.
 
Amados, nós não podemos ter mais desculpas, o fim de ano está aí, e o outro Tema será: Preparai o Caminho do Senhor. Se todo esse tempo, nós temos dado desculpas, como vamos ter autoridade para preparar o caminho do Senhor.

A Bíblia diz que Davi, além de moço, não tinha experiência para manusear as armas de um guerreiro. Então, o que ele fez para vencer a batalha? Ele confiou no Deus Todo Poderoso por que tinha intimidade com Ele.
 
Davi já conhecia ao SENHOR! Ele tinha uma vida de comunhão com Deus. Ele orava, cantava, louvava a Deus todos os dias quando cuidava das ovelhas do seu pai.
 
Porém, veja que mesmo na hora da batalha, Davi continuava crendo em Deus, e não teve medo.
 
Precisamos amar o que fazemos, precisamos amar a Deus. Porque o verdadeiro amor, lança fora todo o medo,        
I Jo 4:18.
 
18 No amor não existe medo; antes, o perfeito amor lança fora o medo. Ora, o medo produz tormento; logo, aquele que teme não é aperfeiçoado no amor.
 
Precisamos mostrar essa atitude de amor, porque I Jo 4:19 diz assim. 19 Nós amamos porque ele nos amou primeiro.
                                                                                                                              
 
Por isso amados, nós precisamos usar o nosso tempo para falar com Deus, meditar na sua palavra, orar, louvar continuamente a Ele.
 
Em nossos dias maus, nós podemos clamar a Ele, e Ele nos ouvirá. Sl 34:15.
                                                                                          
15 Os olhos do Senhor repousam sobre os justos, e os seus ouvidos estão abertos ao seu clamor.
 
Assim como Davi, precisamos ter novas atitudes para que no dia das dificuldades, Deus nos abençoe, nos dando NOVOS COMEÇOS.
 
Invista naquilo que edifica a sua vida: Boas leituras. Boas conversas. Oração. Fazer a leitura da Palavra sempre.
Ter atitudes boas de comunhão com os irmãos na fé. Ser inteligente, sabendo que a obediência
às autoridades, trará benção de Deus.
                          
A Bíblia nos promete que, aquele que tem atitudes como as que eu falei, terá como resultado o acúmulo de muitas bênçãos.  Pv 28:20a.
 
20 O homem fiel será cumulado de bênçãos, mas o que se apressa a enriquecer não passará sem castigo.
(mas quem diz que não tem tempo, etc)

Veja esse ensinamento de Jesus no Novo Testamento, sobre essa atitude de Jesus, quando João Batista enviou dois de seus discípulos até Jesus para “a dizer-lhe: És tu aquele que havia de vir ou esperamos outro?” (versão RC) Lc 7:19.

19 E João, chamando dois dos seus discípulos, enviou-os a Jesus, dizendo: És tu aquele que havia de vir ou esperamos outro?               

Veja que atitude interessante de Jesus! Ele não dá uma resposta direta aos discipulos de João. Ele não diz que era e nem diz que não era. Ele simplesmente levou os dois discípulos de João para a obra, onde os discípulos de João ficavam O observando. E Jesus curava os enfermos, expulsava demônios, ressuscitava os mortos e anunciava a Palavra de Deus.
                                                                           
No final daquela obra, Jesus chama os discípulos de João, e diz: Retornem a João e digam a ele, o que vocês viram.             

Veja que atitude de amor! Jesus poderia ter criticado a atitude de João. Mas, Jesus viu que, sem dúvida nenhuma, João estava em crise nos seu ministério. E Jesus também nos ensina hoje, que em todas as crises, precisamos ficar atentos, porque Deus quer trazer grandes ensinamentos.

Nota-se, que pelo fato de Jesus não ter dito, nem sim e nem não, Jesus mostrou a eles e a nós hoje, que ATITUDES FALAM MAIS DO QUE PALAVRAS.

Que tipo de atitudes você anda tendo? Como crente, como cristão, como líder, como chamado por Deus! Só de palavras, só da boca para fora?

Ainda diz: Agora vou fazer, agora é isso ou aquilo, eu vou melhorar etc. Por acaso, você está esperando o gigante vir até você?

No versículo 48, diz que a atitude de Davi foi de ir até o inimigo.

48 Sucedeu que, dispondo-se o filisteu a encontrar-se com Davi, este(Davi) se apressou e, deixando as suas fileiras, correu de encontro ao filisteu.                                               

Que tipo de guerreiro você está sendo?

Deus quer te abençoar poderosamente nesse tempo de novos começos!

Amém!!!
Alameda Contorno, Nº 1840, Qd. 52, Lt. 13 e 14 - Jardim Santo Antonio - Goiânia - Goiás CEP:74.853-120 Telefone: (62) 3922-3812
Horário de funcionamento da secretaria: segunda a sexta - 8 h às 12 h e 14 h às 17 h.
Net Suprema